Correio do Povo

Porto Alegre, 20 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
24ºC
Amanhã
18º 27º


Faça sua Busca


Notícias > Polícia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

17/07/2013 07:06 - Atualizado em 17/07/2013 08:49

Encontrado corpo de servidor desaparecido em Passo Fundo

Vítima estava em um mato às margens da ERS 135 e apresentava sinais de estrangulamento

Vítima estava em um galpão às margens da ERS 135 e apresentava sinais de estrangulamento <br /><b>Crédito: </b> Lucas Cidade / Rádio Uirapuru / Divulgação CP
Vítima estava em um galpão às margens da ERS 135 e apresentava sinais de estrangulamento
Crédito: Lucas Cidade / Rádio Uirapuru / Divulgação CP
Vítima estava em um galpão às margens da ERS 135 e apresentava sinais de estrangulamento
Crédito: Lucas Cidade / Rádio Uirapuru / Divulgação CP

O misterioso desaparecimento do analista de sistema do INSS de Passo Fundo, Sérgio Luiz Kocziceski, 53 anos, terminou na madrugada desta quarta-feira. Agentes da 1ª Delegacia de Homicídios, comandados pela delegada Daniela de Oliveira Mineto, localizaram o corpo do servidor por volta das 2h45m, após a prisão do autor confesso do crime, de 29 anos, nascido em Tupanciretã.

O corpo estava num mato de eucalipto, ao lado de um prédio recém construído, nas margens da ERS 135, a 100 metros do trevo do Ricci. O analista havia desaparecido por volta das 18h da última quinta-feira, após sair da agência do INSS, no Centro de Passo Fundo. Na sexta-feira à noite, o seu carro, um Meriva, foi encontrado abandona na rua Pulador no bairro Boqueirão. O Carro estava com as chaves na ignição e a carteira da vítima com os documentos no seu interior.

No final da tarde dessa terça-feira, os agentes da 1ª DP chegaram a três jovens, que foram vistos andando no carro da vítima no bairro Edmundo Trein – Cohab 1. Eles foram conduzidos para a delegacia e revelaram que apenas tinha circulado com o veículo. O principal suspeito do crime estava no bairro, mas conseguiu fugir. No entanto, na madrugada desta quarta-feira, ele foi localizado no albergue municipal e preso.

Provas e confissão

Diante das provas, o suspeito admitiu o crime e levou a policia até o local onde estava o corpo. O homem revelou que encontrou a vítima no início da noite de quinta-feira na praça Marechel Floriano, - a principal praça de Passo Fundo -, e saíram. Na mesma noite, ele matou o servidor por enforcamento com o cinto da vítima e, depois desovou o corpo no mato de eucalipto.

O suspeito contou que usou o dinheiro que a vítima tinha para comprar crack. A droga foi consumida com os três jovens detidos anteriormente na Cohab 1. O celular da vítima foi vendido por um dos jovens para uma terceira pessoa e já foi recuperado pela polícia.

Com as roupas do suspeito, a polícia encontrou a calça jeans da vítima. Ele, inclusive já tinha usado da calça do servidor para andar pelo bairro. A delegada Daniela de Oliveira Mineto disse que vai indiciá-lo por latrocínio – roubo seguido de morte -, além de pedir a prisão preventiva. Quanto aos outros jovens, ela ainda vai decidir o enquadramento. O homem estava em Passo Fundo há dois meses, onde a sua irmã reside . Após o depoimento, ele será encaminhado ao presídio regional de Passo Fundo.


Bookmark and Share


Fonte: Acácio Silva / Correio do Povo







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.